Abortamentos e Perdas Fetais / Gestacionais

 em Obstetrícia

WhatsApp Image 2017-05-23 at 21.44.57

O Colégio Nacional de Ginecologistas e Obstetras da França (CNGOF) através de comitê especializado composto por vários experts selecionados elaborou um Guideline Prático sobre perdas gestacionais (abortamentos e óbitos fetais intrauterinos). O artigo será publicado impresso em junho de 2016, mas já está disponível online. O CNGOF definiu como principais fatores de risco para abortamentos e óbitos fetais intrauterinos recorrentes:
– Idade materna ≥ 36 anos (Nível de evidência 3)
– Malformações uterinas congênitas (Nível de evidência 1)
– Obesidade: IMC ≥ 30 kg/m2 – (Nível de evidência 1)
– HIPOTIREOIDISMO – (NÍVEL DE EVIDÊNCIA 1)
– PRESENÇA DE ANTICORPOS ANTITIREOIDEANOS ANTI-TPO / ANTI TIREOGLOBULINA – (NÍVEL DE EVIDÊNCIA 1) – Endometrite crônica – (Nível de evidência 2)
– Exposição maternal ao fumo – (Nível de evidência 3)
– DEFICIÊNCIAS DE VITAMINAS B12, B9 (ÁCIDO FÓLICO) E HIPERHOMOCISTEINEMIA – (NÍVEL DE EVIDÊNCIA 3)
– Consumo diário de café > 100mg/dia: mais de uma xícara de café – (Nível de evidência 3)
– Aneuploidia: (Nível de evidência 2)
– Aberrações cromossômicas familiares (Nível de evidência 1)
– ESTRESSE (NÍVEL DE EVIDÊNCIA 3)

Apesar de possuírem diferentes graus de evidência, fiquei impressionado com a importância dos HIPOTIROIDISMO E DA PRESENÇA DE ANTICORPOS ANTI-TIREOPEROXIDASE (TPO) OU TIREOGLOBULINA POSITIVOS (NÍVEL DE EVIDÊNCIA 1), DO ESTRESSE, além DAS DEFICIÊNCIAS DE VITAMINAS B12, B9 (ÁCIDO FÓLICO) E HIPERHOMOCISTEINEMIA (NÍVEL DE EVIDÊNCIA 3). Quantos abortamentos ou óbitos fetais intrauterinos serão ETICAMENTE ACEITÁVEIS para se investigar os fatores de risco relacionados e planejar uma gravidez? ➡️MINHA RESPOSTA: Nenhum (se realizar uma consulta pré-concepcional) ou apenas 1 se não tiver planejado a gestação (que perdeu). Se sua resposta é diferente da minha, desejo-lhe do fundo do coração que nunca tenha nenhuma perda gestacional ou não acompanhe algum casal que teve uma perda, pois certamente você não entende, é uma dor que não tem nome. São pais de anjos, especiais, merecem uma atenção diferenciada, integrativa (ÍNTEGRA E ATIVA)
.
Publicado em 24/04/2016


 

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar